fbpx

Sindicatos defendem Tribuna Livre da Câmara

Movimento Sindical Unificado de Jundiaí em defesa da Tribuna Livre.
Movimento Sindical Unificado de Jundiaí em defesa da Tribuna Livre.

Marcada para ontem, dia 31, na Câmara Municipal de Jundiaí, votação de projeto que visa mudar horário da Tribuna Livre foi adiada para fevereiro de 2018. Ação do Movimento Sindical Unificado de Jundiaí teve importante papel para evitar que o espaço de manifestação popular da Câmara Municipal fosse, na prática, inviabilizado.

O Projeto de Resolução nº 810, de autoria do vereador Douglas Medeiros (PP), pretende que a Tribuna Livre, momento em que a palavra é passada a munícipes previamente inscritos para que se manifestem, seja transferida para o final das sessões ordinárias da Câmara.

Atualmente, a Tribuna Livre acontece no início das sessões, às 18h. Com a alteração do regimento, o espaço de participação poderá ser aberto somente às 22h, quando, muitas vezes, o plenário já está esvaziado.

Segundo a presidente do Sindicato dos Professores de Jundiaí, Sandra Baraldi, o Movimento Sindical Unificado teve papel importantíssimo. “O vereador Douglas Medeiros foi reticente e disse que não adiaria o projeto. Falamos com cada vereador sobre os problemas que a alteração de horário acarretaria para a participação da população e, no final, o projeto foi adiado. Foi uma grande vitória”, comentou.